13 de Maio

 

Salvos

 

Leia-> Salmo 138

Quando te chamei, tu me respondeste... (v.3).

 

      Uma noite enquanto estava preso no engarrafamento na capital de Uganda, Kampala, um colega e eu chamamos dois meninos de rua à janela do nosso carro e conversamos com eles, o papo foi mais ou menos assim: “Há quanto tempo vocês moram na rua?” “Quatro anos.” “Vocês têm pai ou mãe na rua?”  “Não, nossos pais morreram.” “Vocês gostam de morar na rua?” “Não.”

      Comovidos com o angustiante relato dos meninos sobre a vida nas ruas, ligamos a um amigo que trabalha com jovens em situação de risco. Ele veio até nós e surpreendentemente, em menos de uma hora, encontrou em abrigo para onde os dois órfãos Saddam e Moisés, se mudaram.

     Ao entrarem em seu novo lar, Saddam e Moisés  foram acolhidos e nutridos com o amor de Deus (Jeremias 31:3-4). A comovente história da transformação de Saddam é ilustrada pelos versículos seguintes:

  •       “ Quando te chamei, tu me respondeste e, com o teu poder, aumentaste as minhas forças” (Salmo 138:3). Alicerçado em Cristo, Saddam recusou a proposta de homens que tentaram atraí-lo de  volta á rua, oferecendo dinheiro em troca de crueldades.

  •        “Quando estou cercado de perigos [...] A tua força me protege do ódio dos meus inimigos...” (v.7). Durante os quatro anos e que Saddam vagou pelas ruas, ele acredita que Deus o protegeu de homens que queriam lhe fazer mal.

  •        “Tu cumprirás tudo o que me prometeste. O teu amor dura para sempre, ó SENHOR Deus” (v.8). Hoje Saddam leciona com ousadia uma vez por semana numa turma de Escola Dominical para garotos que ainda vivem nas ruas.

    Apesar de jovem, Saddam já experimentou o livramento e a fidelidade de Deus de forma poderosa (v.8). Quem é o “Saddam” em sua vida? O que Deus gostaria que você fizesse por ele?

 

-Roxanne Robbins