21 de Maio

 

Acima da lama

 

Leia-> Salmo 69:1-33

... os que adoram a Deus ficarão animados (v.32).

 

      O mergulho no pântano é um esporte popular no País de Gales. Os competidores usam pés-de-pato e máscaras de mergulho ligadas a tubos de oxigênio e tentam se espremer entre as valas abertas nas turvas do pântano sem usar as mãos! Apesar de não ter a mínima idéia de como esse esporte começou, sei que “atolar-se” não é novidade.

       Davi estava nessa situação – emocionalmente falando – quando escreveu: “Não me deixes afundar na lama. Livra-me [...] das águas profundas da morte” (Salmo 69:14). Se você alguma vez já sentiu deprimido, sabe do que ele estava falando. Essa luta para continuar acima da lama pode ser esmagadora, apavorante e cansativa.

      Davi expressou sentimentos de falta de esperança, mas ele também tentou encorajar a si mesmo apesar do desespero. Por exemplo, ele acreditava que no final sairia do lamaçal. Ele visualizava o fim do seu sofrimento quando escreveu:  “Louvarei a Deus com uma canção; anunciarei com gratidão a sua grandeza” (v.30). Davi acreditava que Deus o libertaria.

     E veja só – Davi prosseguiu dizendo: “...os que adoram a Deus ficarão animados” (v.32). A expressão-chave aqui é “os que adoram a Deus.” Por que relutamos tanto em implorar a ajuda de Deus quando sabemos que Ele é o único que pode nos salvar?

     Afinal, Deus “...ouve os necessitados” (v.33). Ele não ignorará as nossas lutas e nos dirá para sair dessa. Ele é o Deus da  “compaixão e misericórdia” (Êxodo 34:6). Aquele que está sempre á disposição para nos ouvir.

     Você conhece alguém que está se afundando na lama? Talvez, você seja essa pessoa. Neste caso, lembre-se de que Deus pode e vai ajudá-lo a manter-se acima da superfície. Busque-o hoje – equipamentos para respiração não são necessários.

 

- Jennifer Benson Schuldt