17 Julho

 

Resumos da vida

 

Leia-> Gênesis 50:14-22

...vocês planejaram aquela maldade contra mim, mas Deus mudou o mal em bem para fazer o que hoje estamos vendo, isto é, salvar a vida de muita gente (v.20).

 

     Quando eu lecionava inglês para o Ensino Médio, meus alunos liam as versões condensadas. Sempre os incentivava a utilizar os guias de estudo com a leitura do romance ou peça. Embora as interpretações literárias condensadas pudessem ajudá-los a compreender trechos complexos, nada poderia substituir a leitura de versões condensadas em lugar do original seria como ler a receita de uma torta de maçã em vez de prová-la de verdade. Os atalhos nos deixam incompletos.

     O mesmo é verdadeiro para a nossa caminhada espiritual. As provações são as escolas para desenvolvimento do caráter. Entretanto, quando pressionados pelas mãos do oleiro somos propensos a afirmar que a vida é injusta ou a buscar uma saída (Jeremias 18:6).

      Acostumado com as dores das escolhas dos outros, José enfrentou situações complicadas. Porém, as lições que aprendeu vieram daquilo que ele acreditava sobre o coração de Deus (Gênesis 50:20). A questão não é se tempos difíceis virão, mas qual será nossa reação quando chegarem. Jesus disse que a chuva cai sobre os bons e os maus (Mateus 5:45). Portanto, o desafio é buscar a bondade que vem das Suas mãos em meio a qualquer provação que encontrarmos.

   Paulo escreveu: “Pois sabemos que todas as coisas trabalham juntas para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles a quem ele chamou de acordo com o seu plano (Romanos 8:28, ênfase acrescentada). Para que tudo coopere para o nosso bem...

  •  devemos amar a Deus, demonstrando isso através da nossa obediência (João 14:23).

  • devemos almejar cumprir o propósito de Deus para nossa vida (Romanos 8:28) – nos tornarmos como Seu Filho (v.29) para Sua glória (2 Coríntios 3:18).

     A medida que fizermos isso, conheceremos a bondade de Deus nos momentos difíceis, como José veio a conhecer.

-Regina Franklin