22 Julho

 

Curando as feridas

 

Leia-> Lucas 22:39-53

Um deles feriu com a espada o empregado do Grande Sacerdote, cortando a sua orelha direita. Mas Jesus ordenou: - Parem com isso! Aí tocou na orelha do homem e a curou (vv.50-51).

 

   Jesus ora no monte e Sua angústia se intensifica ao ver a morte se aproximar. Os discípulos, adormecidos, acordam apavorados enquanto Judas e a multidão enfurecida vão em direção de traição, os guardas agem e o medo agita o coração dos discípulos.

   Fico imaginando o que eu faria se estivesse no lugar dos discípulos naquela noite? Jesus havia dito: “...quem não tem espada deve vender a capa e comprar uma” (Lucas 22:36). Será que eu também não compreenderia a metáfora e a interpretaria literalmente? Se meus olhos estivessem turvos e amedrontados pela horda, minha mão teria alcançado o cabo da espada? Se eu fosse Pedro, teria dado uma estocada no servo do Grande Sacerdote, golpeando-o para me defender? (v.50; Lucas 18:10).

    A espada de Pedro atinge Malco e instantaneamente um dos seguidores do Príncipe da Paz torna-se culpado por tentativa de homicídio. “ Parem com isso!” Jesus ordena, e se ajoelha próximo a Malco e milagrosamente cura a sua orelha ferida (v.51). Em instantes Jesus cura o ferimento provocado por Seu seguidor.

     Muitas são as ofensas dos seguidores de Jesus hoje. Evangelista hipócritas, cristãos críticos e fanáticos que interpretam incorretamente a Palavra de Deus, todos deixam cicatrizes em nome do Bom Pastor. Talvez você tenham passado por isso pessoalmente. A sua fé, um dia vibrante, agora está apagada, o seu coração que um dia foi alegre, agora está exausto. E você questiona que tipo de Deus teria seguidores assim?

    Jesus clama: “ Parem com isso!”

    Os Seus seguidores podem falhar ao tentar viver como Ele viveu, mas Jesus é sempre consistente. Contemple novamente a Sua face. Observe-o caminhando em sua direção, ajoelhando-se diante de você e sinta o toque dele em sua ferida mais profunda. Ele pode curar o dano causado pelos Seus defensores – se você permitir o Seu toque.

-Sheridan Voysey